23.1.08

Perdas

Eu já estava chocada com a notícia do Luiz Carlos Tourinho. 43 anos é muito novo. E eu gostava dele, principalmente por causa desse último papel que ele vinha fazendo, o Nezinho, de Desejo Proibido.

Atrasada, acabei de ficar sabendo de Heath Ledger. E eu ainda nem tinha assistido O Segredo de Brokeback Mountain. Mas já gostava bastante dele. Minha referência era 10 Coisas que Eu Odeio em Você. Ele está um fofo nesse filme. E também está ótimo em O Patriota. Eu realmente gostava dele.

E é por isso que eu fiquei tão empolgada quando soube que ele seria o próximo Coringa em Batman: The Dark Night. Eu adoro o Coringa, já gostava quando o Jack Nicholson o interpretou e eu estava botando muita fé que esse ia (vai) ser ainda melhor. E olha que o Jack Nicholson para mim é uó.

E, juro, não estou falando isso só porque o moço morreu. Acho péssimo isso de transformarem os mortos em mártires, só por terem morrido de repente. Essas eram as minhas impressões a respeito do Heath Ledger antes de saber que ele falaceu, de repente, e com 28 anos. E eu acho tudo isso, sem ter visto o que dizem ter sido seu maior papel.

Eu assumo, não tinha a menor vontade de assistir O Segredo de Brokeback Mauntain. E também assumo que agora que o moço morreu, vou querer assitir. Mas é que antes, eu achava que Heath Ledger ainda faria muitos filmes, que eu poderia ver sua ótima atuação inúmeras vezes, que tudo bem deixar passar esse do cowboy. Agora, a coisa mudou de figura, né.


Apesar de Coração de Cavaleiro. Em que ele tem uma atuação boa, mas o filme é bem bobo.



Nenhum comentário: